Data de hoje:22 July, 2019

15 invenções incríveis feitas por mulheres que revolucionaram o mundo todo

Quando você pensa em grandes invenções, talvez os primeiros nomes que venham à sua cabeça sejam os de Thomas Edison ou os irmãos Wright. Talvez você não saiba o nome de muitas inventoras mulheres, mas isso não significa que elas são menos importante ou existem em menos número. Infelizmente, a verdade é que ela são muito pouco valorizadas e/ou divulgadas.

Mas nessa lista você vai conferir 15 mulheres incríveis que fizeram criações importantíssimas para a humanidade – muitas que você provavelmente usa no seu dia a dia. Confira:

15. Identificação de chamada e chamada em espera – Dra. Shirley Ann Jackson.

© PopTech/flickr   © Alan Levine/flickr

Dra. Shirley Ann Jackson é uma especialista em física e é também a primeira mulher afro-americana a obter um Ph.D. do MIT. Sua pesquisa realizada nos anos 70 é responsável pela chamada em espera e o identificador de chamadas. A pesquisa inovadora da Dra. Shirley Ann Jackson também ajudou a inventar coisas como o fax portátil, cabos de fibra ótica, células solares, etc.

14. Kevlar – Stephanie Kwolek.

© Michael Branscom/MIT   © depositphotos.com

Stephanie Kwolek foi uma química que descobriu o material leve que era 5 vezes mais forte que o aço em 1965. Esta invenção é amplamente utilizada em diferentes produtos, como coletes a prova de balas, luvas domésticas, etc. O Kevlar também é encontrado em telefones celulares, aviões e pontes suspensas.

13. Sutiã moderno – Caresse Crosby (nascida Mary Phels Jacob).

© Wikimedia Commons   © Wikimedia Commons   © Wikimedia Commons   © Auckland Museum/Wikimedia Commons

O sutiã que as mulheres usam hoje em dia foi desenhado pela primeira vez por Mary Phelps, utilizando dois lenços e uma fita. A invenção foi patenteada em 1914.

12. Saída de incêndio – Anna Connelly.

© Google Patents   © Derek Jensen/Wikimedia Commons

Não sabemos muito sobre a vida de Anna Connelly, mas sabemos que a invenção da saída de incêndio se tornou um precursor das modernas soluções encontradas hoje em dia nas construções. Anna patenteou sua criação em 1887 e agora é uma parte crucial das precauções de segurança nas grandes cidades.

11. Botes salva-vidas – Maria Beasley.

© Google Patents   © U.S. Air Force/Wikimedia Commons

Maria Beasley surgiu com um novo projeto de jangada que era muito mais seguro e melhor. Ela patenteou sua invenção em 1882. Mais tarde, Maria Beasley também patenteou a máquina de fazer barris que acabou por deixá-la rica.

10. Algoritmo de computador – Ada Lovelace.

© Wikimedia Commons   © pexels.com

A filha de Lord Byron, Ada King-Noel, era uma brilhante matemática. A condessa Lovelace e Charles Babbage trabalharam juntos na Universidade de Londres no motor analítico. Ela desenvolveu uma maneira de programar a máquina usando algoritmos matemáticos. Em outras palavras, ela fez o primeiro “programa de computador”.

9. Transmissão Wireless – Hedy Lamarr.

© AlbumEAST NEWS   © depositphotos.com

Hedy Lamarr foi uma famosa atriz de Hollywood e inventora ao mesmo tempo. Durante a Segunda Guerra Mundial, ela e George Antheil inventaram um sistema de orientação por rádio para evitar que os torpedos fossem desviados do curso. Devido a dificuldades técnicas, esta invenção não foi usada até 1962. O sistema de transmissão sem fio de Hedy Lamarr contribuiu para o desenvolvimento do Wi-Fi e do Bluetooth.

8. Aquecimento central – Alice Parker.

© Google Patents   © pixabay.com

Alice Parker foi uma inventora que projetou um sistema de aquecimento central movido a gás em 1919. Embora seu design particular nunca tenha sido construído, foi a ideia inovadora que inspirou os modernos sistemas de aquecimento central.

7. Impermeabilizante Scotchgard – Patsy Sherman.

© Minnesota Science & Technology Hall of Fame   © depositphotos.com

Patsy Sherman era uma química americana e foi co-inventora do Scotchgard. Enquanto trabalhava na empresa 3M, ela acidentalmente derramou uma borracha fluoroquímica no sapato de uma assistente. Mais tarde, eles descobriram que a mancha não mudou a cor do sapato e repeliu a água, o óleo, etc. Esse acidente foi o começo da invenção do impermeabilizante Scotchgard.

6. Limpador de pára-brisas – Mary Anderson.

© Wikimedia Commons   © depositphotos.com

Quando Mary Anderson visitou Nova York em 1903, ela percebeu que seu motorista teve que abrir a janela e remover a neve do pára-brisa com as mãos. Era inconveniente tanto para o motorista quanto para os passageiros, e também era perigoso. Mary Anderson queria chegar a uma solução e, em 1903, inventou o limpador de pára-brisas. Infelizmente, as empresas automobilísticas não acreditavam na invenção de Mary e ela nunca lucrou com isso.

5. Software de computador – Grace Hopper.

© James S. Davis/Wikimedia Commons   © pixabay.com

Grace Hopper era uma cientista da computação americana e almirante da Marinha dos EUA. Ela inventou o compilador que traduziu a linguagem escrita em código de computador. Grace Hopper cunhou os termos “bug” e “debugging”. Em 1959, ela participou do desenvolvimento de uma das primeiras linguagens modernas de programação – COBOL.

4. Baterias da estação espacial – Olga D. Gonzalez-Sanabria.

© NASA   © NASA/Crew of STS-132/Wikimedia Commons

Olga D. Gonzalez-Sanabria é uma cientista e inventora porto-riquenha. Nos anos 80, ela desenvolveu uma tecnologia que ajudou na criação da bateria de níquel-hidrogênio de ciclo longo. Essas baterias ajudaram a fornecer energia à Estação Espacial Internacional.

3. Monopoly – Elizabeth Magie.

© Thomas Forsyth/Wikimedia Commons   © Horst Frank/Wikimedia Commons

Elizabeth Magie originalmente inventou as regras deste popular jogo de tabuleiro. Ela queria demonstrar os problemas do capitalismo enquanto jogava um jogo. O jogo original foi nomeado Landlord’s Game e foi patenteado em 1924. O monopólio que conhecemos agora foi publicado em 1935 pelos Parker Brothers, que compraram a patente de Elizabeth Magie.

2. Fraldas descartáveis – Marion Donovan.

© depositphotos.com   © depositphotos.com

Em 1946, Marion Donovan usou uma cortina de chuveiro para criar uma capa de fralda à prova d’água. Ela patenteou sua invenção em 1949 e depois vendeu a patente para a Keko Corporation por 1 milhão de dólares.

1. Corretivo líquido – Bette Nesmith Graham.

© depositphotos.com

Bette Nesmith Graham era uma secretária e muitas vezes usava uma tinta branca para encobrir qualquer erro de digitação nos documentos. Ela passou alguns anos tentando chegar em uma fórmula perfeita e em 1958 ela patenteou o corretivo líquido. Em 1979, Bette Nesmith Graham vendeu sua invenção para a Gillette Corporation por 47,5 milhões de dólares.

Bônus:

Casas aquecidas por energia solar – Dra. Maria Telkes.

© New York World-Telegram and the Sun staff photographer/Wikimedia Commons   © Tim Fuller/flickr

A Dra. Maria Telkes era física e trabalhou em tecnologias de energia solar. Em 1947, ela inventou o gerador de energia termoelétrica para fornecer calor para a Dover House, que foi projetada em conjunto com a arquiteta Eleanor Raymond. A Dover House durou por 3 invernos antes do sistema falhar.

[BrightSide]

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *